Acompanhe aqui, super dicas que irão te ajudar no processo de recolocação no mercado de trabalho. 

Atualize seu currículo

Aproveite o tempo da quarentena e foque em estruturar um currículo de forma estratégico e objetivo, e aumente assim, suas possibilidade de conseguir o tão desejado emprego​

Linkedin

O Linkedin é uma ótima ferramenta para quem está buscando recolocação no mercado de trabalho. Muitas empresas dos mais diversos segmentos buscam seus futuros colaboradores através dela. Trata-se de uma plataforma digital onde o foco é criar e manter relações corporativas, bem como a divulgação de projetos e pesquisas relevantes para o mercado de trabalho. É importante que o seu perfil esteja sempre atualizado e completo, servindo como um cartão de visitas profissional para que empresas e/ou parceiros de negócios possam te encontrar.

Trabalho Home Office

O trabalho remoto é um assunto que divide opiniões. Para alguns, é altamente produtivo, libertador e ideal para alcançar um equilíbrio entre trabalho e vida pessoal. Para outros, o fato de trabalhar da sala de casa ou da cozinha traz incerteza e preocupação com os aspectos práticos e sociais. Enquanto uma pessoa torna-se mais produtiva, a outra pode cair em procrastinação.

Uma boa estratégia para lidar com a procrastinação é uma lista de tarefas, principalmente se for cronometrada. Seja claro sobre o que você precisa fazer e quando. Seja realista e não exagere no otimismo para evitar o estresse causado por não corresponder às expectativas

feliz-trabalho-mulher-profissional-0118-1400x800

Dicas incríveis para você que está em
busca de uma oportunidade de emprego.

. FALE SOBRE SI:
Esta pergunta é quase obrigatória em uma entrevista de emprego e deverá ser muito bem praticada para uma resposta sucinta, direta e, acima de tudo, que valorize o seu perfil profissional.


2. QUAIS SÃO SEUS OBJETIVOS A CURTO PRAZO? E A LONGO PRAZO?

Seja específico e tente aproximar, de alguma forma, os seus objetivos aos da própria empresa. Respostas como “ganhar bem” ou “aposentar-se” são totalmente proibidas.


3. O QUE O LEVOU A ENVIAR O SEU CURRICULUM A ESTA EMPRESA?
Aproveite esta deixa para demonstrar que fez o seu “trabalho de casa” e fale sobre a atividade da empresa e a forma como o posicionamento desta a torna uma empresa de elevado interesse para qualquer profissional. Naturalmente, para responder a esta pergunta, é preciso fazer previamente uma pesquisa sobre a empresa. Vá ao site institucional, faça pesquisas usando mecanismos de busca, leia revistas da especialidade e converse com pessoas que trabalham ou já trabalharam lá.


4. QUAL FOI A DECISÃO MAIS DIFÍCIL QUE TOMOU ATÉ HOJE?
O que é pretendido com esta questão, é que os candidatos sejam capazes de identificar uma situação em que tenham sido confrontados com um problema ou dúvida, e que tenham sido capazes de analisar alternativas e consequências e decidir da melhor forma.


5. O QUE PROCURA NUM EMPREGO?
As hipóteses de resposta são várias: desenvolvimento profissional e pessoal, desafios, envolvimento, participação num projeto ou organização de sucesso, contribuição para o sucesso da sua empresa, etc.


6. VOCÊ É CAPAZ DE TRABALHAR SOB PRESSÃO E COM PRAZOS DEFINIDOS?
Um “não” a esta pergunta pode destruir por completo as suas hipóteses de ser o candidato escolhido, demonstre-se capaz de trabalhar por prazos e dê exemplos de situações vividas em trabalhos anteriores.


7. DÊ-NOS UM MOTIVO PARA O ESCOLHERMOS EM VEZ DOS OUTROS CANDIDATOS.
Esta é sempre das perguntas mais complicadas mas o que se espera é que o candidato saiba “vender” o seu produto. Isto é, deverá focar-se nas suas capacidades e valorizar o seu perfil como o mais adequado para aquela função e a forma como poderá trazer benefícios e lucros para a empresa.


8. O QUE VOCÊ FAZ NO SEU TEMPO LIVRE?
Seja sincero, mas sobretudo lembre-se que os seus hobbies e ocupações demonstram não só a capacidade de gerir o seu tempo, preocupações com o seu desenvolvimento pessoal e facilidade no relacionamento interpessoal.


9. QUAIS SÃO AS SUAS MAIORES QUALIDADES?
Aponte aquelas características universalmente relacionadas com um bom profissional: proatividade, empenho, responsabilidade, entusiasmo, criatividade, persistência, dedicação, iniciativa, e competência.


10. E PONTOS NEGATIVOS/DEFEITOS?
Naturalmente que a resposta não poderá ser muito negativa, pois serão poucas as hipóteses para um profissional que diga ser desorganizado, desmotivado ou pouco cumpridor dos seus horários. Assim, o truque é responder partindo daquilo que normalmente é considerado uma qualidade mas agravando-o de forma a parecer um “defeito”. Ou seja, exigente demais, perfeccionista, muito auto-crítico, persistente demais, etc.


11. QUE AVALIAÇÃO FAZ DA SUA ÚLTIMA (OU ATUAL) EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL?
Não se queixe e, em caso algum, critique a empresa e respectivos colaboradores. Diga sempre alguma coisa positiva, ou o ambiente de trabalho ou o produto/serviço da empresa. Se começar a apontar defeitos ao seu emprego anterior correrá o risco de o entrevistador achar que o mesmo pode acontecer no futuro relativamente aquela empresa.


12. ATÉ HOJE, QUAIS FORAM AS EXPERIÊNCIAS PROFISSIONAIS QUE LHE DERAM MAIOR SATISFAÇÃO?
Seja qual for a sua escolha, justifique bem os motivos. Tente mencionar as mais recentes e que sejam mais adequadas aos seus objetivos profissionais.

 

Acompanhe aqui nossas dicas de RH